Pesquisar este blog

domingo, 2 de dezembro de 2007

Mulheres de Deus

Chá beneficente para ajudar a Casa do Idoso. Uma idéia linda que deu certo. Conseguimos reunir na casa da Ana Rita, mais de 150 mulheres por uma boa causa. Essa noite foi muito especial. Experimentamos as palavras sábias da Janete, a música do Cícero de Jesus, e o testemunho emocionante da Fabiana. Você precisava estar lá, para vivenciar tanta benção. Ainda bem que eu estava lá.Cada uma de nós, que estávamos organizando o chá, levamos um prato.Então, você pode imaginar quanta coisa gostosa.Eu levei a

"Mousse de Maracujá", que modéstia parte, estava divina. A receita é simples, mas o que faz a diferença é o jeito de fazer. Quer saber o segredo? Ingredientes:

  1. Para 10 maracujás, quatro latas de leite condensado e 04 de Creme de leite com soro. 01 barra de chocolate ao leite. Coloco a polpa da fruta na peneira e vou mechendo com uma colher até o csuco sair todo. Levo ao congelador até começar congelar. Após, despejo no liquidificador e vou adicionando o leite condensado e o creme de leite até dar o ponto. Ponho no congelador por 1 hora e depois na geladeira. Antes de servir, jogo raspas de chocolate, enfeito com cerejas e folhas de hortelã. Puro Nectar!

Macarronada "Domenica"

Veja esta deliciosa macarronada...aposto que vai querer fazer igual não é? Por isso, vou dar a receita. Mas, não antes de dizer como ela surgiu. Ao chegar da missa à noite, meu filho Bruno falou que estava morrendo de fome e queria comer macarrão. Confesso que em uma noite de domingo, não fico muito animada para ir para cozinha, afinal de contas né! Mas, mesmo assim... Bom, peguei tudo o que tinha na geladeira e foi assim que surgiu a " Macarronada Domenica", que em italiano significa domingo. Ingredientes: 01 pacote de macarrão espaguetti 50 gr de bacon picado 01 cebola picada 01 tomate maduro sem pele e sem semente 03 dentes de alho amassado 06 azeitonas pretas 01 colher de sopa de alcaparras 01 colher de sopa mostarda 01 pitada de açucar 01 fio de óleo 200 ml de creme de leite 200 ml de molho de tomate 01 pedaço de pimentão amarelo picado Salsa desidratada a gosto òregano a gosto Sal Modo de fazer: Cozinhei al dente o macarrão em bastante água, com sal e um fio de óleo . Enquanto isso...piquei o bacon, dorei-o junto com o alho e depois a cebola e algumas gotas de azeite de oliva. Depois acrescentei o tomate e o pimentão. Adicionei o molho pronto de tomate, mostarda, azeitona, alcaparras e deixei ferver. Temperei com o sal e a pitada de açucar ( para tirar a acidez do tomate). Por último, creme de leite, óregano e a salsinha. Pronto! Em seguida servi para a galera. Pergunta se sobrou! Isso é o que eu chamo de improviso.

Flores e Frutas

Este arranjo foi feito especialmente para comemorar
o níver da minha amiga Márcia, em julho de 2005.
Já faz um tempinho, mas vale a pena postar aqui.

Flores...

Flores de beterraba. Um luxo!

Arranjo de Frutas

Olha só que arranjo mais fofo! A frutas dão um colorido alegre na decoração, Legal né!

Mesa de Frios

Servi canapés variados. O de pepino recheado com pasta a base de ricota, creme de leite, presunto e castanha de caju ficou tudo de bom. Sem falar dos tomates cerejas recheados. Um show!Esta foto foi tirada do Chá de Panela da Anieli. Este dia foi hilário! Na hora em que fui montar as tábuas , canapés e o arranjo de frutas esculpidas de forma tridimencional, caiu uma tempestade. O local da festa, na casa da Vânia, era só chuva e vento. Não dava pra acreditar que seria possível fazer uma festa ali. A decoração era estilo italiana. A Juliana fez tudo com muito capricho (" daFazendo a Festa"). Mas as toalhas voavam pelos ares e água insistia em invadir tudo. Pra completar, a energia foi embora. Mas, eta povo tranquilo de Deus. Apesar do atraso, pois o chá estava marcado para as 9:00h, no final tudo deu certo. A chuva passou lá pelas 8:00 horas, as toalhas molhadas foram trocadas e eu fiquei trabalhando à luz de velas, pois a bendita energia só voltou por volta de 11:00 h. Ainda bem que tive uma ajuda da Laís e da Lizeti, na hora de montar os canapés.Bom, no final ficou até romântico e todo mundo adorou, achou tudo gostoso e lindo. Isso é o que vale. E você poder conferir.

Um pé na cozinha...

Sempre gostei de cozinha... Lembro que a minhas primeiras tentativas não deram muito certo, mas não desisti. E sabe o que aprendi primeiro depois de muitos erros ? "Bolo Prestígio" Humm!! Delícia, ainda sinto o gostinho... Me faz lembrar ... Era adolescente, e sempre que eu e as amigas fazíamos alguma coisa, lá estava o meu bolo. Era sucesso garantido. Bolo fofo de chocolate e recheio a base de leite condensado, creme de leite e coco natural. Bolo Prestígio: 8 ovos, 3 xícaras de farinha de trigo, 2 xícaras de açúcar refinado, 1 colher de sopa de Pó royal, 1 lata de nescau (pequena), 1 lata de manteiga (pequena), 4 latas de leite condensado, 2 latas de creme de leite, 2 pacotes de coco ralado (pequeno) ou coco fresco ( fica mais gostoso), 1 xícara de leite. Modo: Bata as gemas c/ açúcar e a manteiga. Depois acrescente o pó royal dentro do leite e mecha. Ponha a farinha de trigo, em seguida o nescau e a clara em neve. Leve ao forno. Recheio: 2 ½ latas de leite condensado, 2 pacotes de coco ralado e 01 lata de creme de leite . Leve tudo ao fogo, quando tiver fervendo, acrescente o creme de leite. Retire do fogo e deixe esfriar. Cobertura: 2 xícaras de nescau, 1 1/2 lata de leite condensado e 01 lata de creme de leite.Lleve ao fogo até o ponto ( mole) . Parta o bolo ao meio e molhe com leite e um pouco de creme de leite batidos no liquidificador, recheie e cubra com a cobertura.Leve à geladeira. *.*.*.*.*.* Mas, ao longo desse tempo, muita coisa aconteceu...me casei e fui morar em Manaus - AM. Nossa, nessa época eu mal sabia fazer um arroz e um bife! Lá conheci minha amiga Suamy ( Arquiteta da Culinária) era assim que o meu ex a chamava. Ela tinha todo um cuidado em fazer sua comida, sempre tão gostosa. Tudo muito decorado. Enchia os meus olhos e dava vontade de aprender. E foi assim, que fui começando a minha caminhada. Nesse percurso, muita coisa foi para o lixo, aliás, muito compreensível. Ainda morando em Manaus, fui ao Rio de Janeiro visitar minha amiga Kátia. Cheguei no dia do aniversário de 50 anos de seu marido. Ela havia contratado um buffet. Foi naquele dia que pude presenciar de forma diferente, a beleza da ornamentação culinária. Acho que já tinha predisposição para este dom, que se transforma em beleza para os olhos e ativa tanto o paladar.A partir dai, não parei... pesquisando, inventando e tentando levar a mesa amor e beleza. Hoje vejo que cresci muito e continuo aprendendo. E o quanto é gratificante poder observar e sentir a admiração das pessoas pelos pratos ornamentados que costumo fazer. Espero poder compartilhar com você, um pouco da minha vida, da arte e da mesa. Seja Bem Vindo!